Power Ballet Original (PBO)

O Power Ballet Original foi criado em 2010 pela educadora física e bailarina profissional Mariana Inocencio Matos. O método tem como base a Medicina da Dança e a Ciência do Esporte. É uma aula que une fundamentos do ballet clássico, pilates, ginástica localizada e treinamento funcional, onde através de exercícios específicos visa melhorar o condicionamento físico de seus praticantes.

A aula, que tem duração de 45 min, pode ser lecionada no modelo individual (PT) ou coletiva e está dividida em nível 1 (pessoas sem conhecimento do ballet clássico) e nível 2 (bailarinos ou pessoas que já pratiquem o ballet clássico).


A aula se divide em 3 partes: aquecimento das articulações afim de trabalhar a mobilidade, parte principal com exercícios realizados no solo (necessitando de colchonetes) e a parte final que é feita em pé (na barra).


O Power Ballet Original é uma atividade onde a demanda energética é alta. Estima- se que em uma aula de 45 minutos é gasto em média 400 calorias!


Uma curiosidade muito interessante e atrativa dessa modalidade é também a música. A aula é toda feita com hits clássicos tocados no piano na versão do ballet.


As aulas podem ser feitas com roupas de treino confortáveis, sapatilhas ou meias.


O Power Ballet Original é indicado para mulheres (a partir da primeira menarca) e homens de todas as idades.


Método PBO para quem não dança


Para quem não danca, o Power Ballet Original é um método que proporciona inúmeros benefícios, como trabalhar o corpo de forma integrada e consciente buscando acima de tudo uma melhora no condicionamento físico, gerando saúde e bem estar. A atividade promove a melhora da postura, equilíbrio, coordenação motora, resistência muscular e cardiorrespiratória.


Método PBO para bailarinos


Voce sabia que o condicionamento cardiorrespiratório de um bailarino profissional pode se assemelhar ao de uma pessoa sedentária? Sim, cada vez mais pesquisas questionam este déficit.


A busca por um trabalho focado na melhora do condicionamento físico e performance dos bailarinos, ajuda a ter mais saúde, qualidade de vida e uma carreira mais longa.


O método PBO veio para quebrar paradigmas antigos e propor uma nova visão sobre como um treinamento complementar pode favorecer a todos que trabalham com a Dança. Com a prática continua e aulas planejadas de PBO, é possível ter ganhos no condicionamento cardiorrespiratório, em resistência, força e potência muscular em 45 minutos. A aula de PBO para NÍVEL 2 visa trabalhar com estudantes, amadores e bailarinos profissionais.

238 views

Recent Posts

See All